quinta-feira, 5 de agosto de 2010

para a semana mundial de amamentação...

a minha história de amamentação...

Sempre soube, desde que engravidei, que iria amamentar o Leo no peito. Não conseguia imaginar isso não acontecendo por saber da importância para o bebê, por saber de como faz bem para a mãe e porque eu realmente desejava isso.
Com 36 semanas e alguns dias (quase 37) o Leo resolveu que era hora de sair, entrei em trabalho de parto mas não quis o natural/"normal", também sempre soube que não tinha coragem suficiente para passar por isso e decidi que seria parto cesáreo.
Leo nasceu, como já contei aqui, e não tive leite no dia que ele nasceu, nem no seguinte, tive leite só no dia em que saímos do hospital. Leo mamou de verdade pela primeira vez na manhã do dia 01/01/2010. eu via a boquinha dele branquinha de leite e ficava faceira.
A gente se acertou de cara para ele mamar, não tive fissura no peito, não sofri, não chorei, foi perfeito (na verdade nunca imaginei que seria tão fácil esse primeiro momento).
Leo era bem dorminhoco no começo, só acordava pra mamar a cada 4h mamava e até cair no sono de novo...
Tudo seguiu bem até um certo dia em que senti meu peito murcho, vazio, e Leo sugava, sugava e chorava ... nada de leite. Esse foi o dia em que sofri e chorei. Chorei muito porque achei que meu leite tinha secado, o Leo estava perto de completar dois meses e eu não ia poder amamentar mais?? Como assim?? Que tipo de mãe eu era que não conseguia nem produzir leite para o próprio filho??? Sim eu chorava e falava isso... e deixava ele ficar sugando e sugando e de vez em quando descia alguma coisinha e ele mamava. Comprei NAN, fiz mamadeira. Isso aconteceu novamente depois. E eu sofri de novo.
E por trás disso tudo eu tinha uma sogra que não ajudava em nada, falava pra todo mundo que eu tinha pouco leite e por isso o Leo era miudinho. E eu sofria em silêncio, e cada vez que ía à casa dela e tinha que amamentar travava tudo, e o leite não vinha e o Leo mamava pouco e eu chorava por dentro.

Resolvi que tinha que fazer algo por isso antes que meu leite secasse de vez, então pedi à minha GO que me prescrevesse algum medicamento que pudesse me ajudar.
Ela me passou o Equilid 50mg (que tomo até hoje), e além dele ainda comecei a pesquisar na internet todos os tipos de chá que eram estimulantes (e tomo até hoje) e mais tarde li sobre cápsulas de Levedura de Cerveja e também mandei manipular (e tomo até hoje).
 Tudo isso que comecei a tomar me fez engordar novamente metade de tudo que tinha perdido um mês e meio após o Leo nascer (eu já estava no meu peso pré-gravidez). Engordei, não fiquei me sentindo a mais linda das criaturas, mas esse sacrifício estético foi compensado por ver meu filho mamando em mim.

Confesso que sinto inveja daquelas mulheres de seios fartos e cheios, que além de amamentar ainda se ordenham e doam leite. Queria muito ser assim.

Hoje ainda, se fico muito cansada ou muito estressada meu leite mingua, meus peitos ficam moles, por sorte o Leo já come frutas e papa salgada, toma suco, o que faz do leite um complemento e não a refeição principal.

Mesmo assim não disisti. Sinto orgulho de dizer que ainda amamento no peito (mesmo que apenas 4 vezes ao dia porcausa do trabalho) e continuarei amamentando enquanto tiver leite, enquanto o Leo quiser, enquanto for possível e sou feliz por isso.

E você??? Qual sua história de amamentação???

6 comentários:

  1. Parabéns, Pri. Linda a sua força de vontade. Oxalá todas as mães tenham essa persistência em alimentar seus filhotes com o alimento mais precioso.

    ResponderExcluir
  2. oi Pri, AMEI ler seu relato de amamentação!! não sabia que vc passou por momentos assim difícies e fico feliz que vc subiu por cima deles!!! nossa, pq sogras são sempre bruxas? a minha diz que a Mariana está muito gorda pq meu leite engorda ela demais! ABSURDO! dá vontade de bater, né!
    Eu nunca tinha ouvido falar dessas fórmulas pra produzir leite! de homeopatia eu tomei o pulsatilla ch5, vc sabe se engorda tbm? Um que eu recomendo q não engorda e é naturalíssimo é o cHá da mamãe, já experimentou??? aumenta demaaaais a produção, é ótimo, mágico hehehe!
    continue firme forteee! e concordo com vc, vale qualquer coisa pra ver eles mamarem na gente.. ai ai tão bom!!! felicidades pra vcs, lindos!!

    beijos!!!

    ResponderExcluir
  3. oi Anne ... foi um perrengue ... Minha sogra seria mais útil a humanidade se não falasse rsrsrs.
    Quanto ao chá da mamãe eu já li e ouvi falar mas não encontrei para comprar ... aí vou tomando essa levedura e as misturas de chás que eu li na net. COmpro os chás separados e fervo tudo junto.
    Ajuda bastante :D

    ResponderExcluir
  4. oi querida adorei o teu relato...sogra é tudo igual né, so muda de endereço, o vida...
    Por isso que fico loucas com as mãe que tem uns peito feito umas melancias e não amamentam porque dizem que vai cair os peitos, ai gente primeiro o filhote né depois a estetica, eu amamentei o meu filho mais velho por 3 anos e meio e a Mariana tem 1 ano e 10meses e ainda dou de mama, sou como tu, enquanto tiver vou dar...adorei o blog, to te seguindo.
    Bbjs!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Encontrei vc na net e gostaria de te apresentar meu trabalho: www.datrinodesign.blogspot.com
    Ficarei muito feliz com sua visitinha!!
    Bjinhos,
    Vanessa Datrino

    ResponderExcluir
  6. Lindo o seu relato!!! Parabéns! Por favor, faça parte: http://www.facebook.com/home.php?sk=group_179177902093754&ap=1
    Beijos,

    ResponderExcluir